Paraibuna registra recorde de público na 25ª Feira de Turismo “José Benedicto Vilhena”

A Estância Turística de Paraibuna registrou recorde de público na 25ª Feira de Turismo “José Benedicto Vilhena”, realizada de 10 a 19 de junho de 2022, com número estimado pela Polícia Militar de 53.800 pessoas.

A celebração, que também comemorou o aniversário de 356 anos de Paraibuna, superou o público das festas realizadas em anos anteriores. Em 2018, foram registradas 25 mil pessoas. Já em 2019, 18.300. Nos anos de 2020 e 2021 não houve a realização da Feitur (Feira de Turismo) em razão das restrições sanitárias impostas pela pandemia da COVID-19. Dessa forma, se comparado a 2019 – última festa realizada - o público teve um aumento de 290%.

O Comandante da Polícia Militar de Paraibuna, Sargento Luís Antônio de Souza, explicou que a contagem de público é feita conforme a metragem do local. “Estima-se, aproximadamente, de 4 a 5 pessoas por m². Em 10 dias de festa, chegamos ao número de 53.800 visitantes, sejam turistas ou moradores da cidade.”

O prefeito Victor Miranda atribui este crescimento ao fato de Paraibuna ter sido reconhecida com o título de Estância Turística. “Certamente, este título deu mais notoriedade ao nosso município, que recebeu um número bem maior de turistas e visitantes se comparado a anos anteriores.”

O Chefe do Executivo ainda destacou o fato de a cidade ter ficado durante 2 anos sem a tradicional celebração. “Para quem já conhecia a nossa festa, o fato de termos retomado a comemoração atraiu esses visitantes, que já estavam com saudades do nosso evento. E atraiu, também, aquelas pessoas que ficaram em casa durante 2 anos e estavam ansiosas pela possiblidade de poder voltar a celebrar.”

Durante os 10 dias de festividades, moradores e turistas apreciaram diversos atrativos, entre eles shows sertanejos e de outros gêneros musicais, festival da viola caipira, apresentações culturais, comidas típicas, café caipira e o artesanato típico do município. Outros destaques ficaram por conta da Fazendinha “Biju Vilhena”, com exposição de animais e passeios em charrete, além do desfile da Cavalaria de Santo Antônio e do tradicional Afogado.